Mulher é presa com 19 pedras de crack nas partes íntimas

Caso foi registrado na manhã de domingo (14), no Jardim Progresso

Os policiais militares Freires e Alves faziam um patrulhamento na manhã deste domingo (14), por volta das 9h, no Jardim Progresso, quando na Rua Conrado Bonifácio, observaram que Diego Freitas dos Santos, conhecido como Diego do Fox, estava saindo de uma residência que é alvo de inúmeras denúncias de tráficos de drogas.

Na abordagem, os policiais encontraram algumas pedras de crack na boca de Santos, que relatou aos policias ter comprado por R$ 100, de Alexandre Severino de Oliveira, conhecido como Tatu, que ao perceber a aproximação policial, se armou de um revólver calibre 38, e fugiu pulando muros e invadindo quintais.

Com auxílio da Rotam e do Choque, os policiais entraram na casa e encontraram apenas Silmara Silva da Cruz, que é amásia de Tatu, que disse não saber de nenhuma relação de seu namorado com o tráfico de drogas.

Como diversas denúncias apontaram que drogas estariam enterradas no terreno, foi realizada uma vistoria completa, porém nada foi localizado. Na abordagem, Silmara estava muito apreensiva e nervosa, foi então que os policiais desconfiaram de que ela estaria escondendo drogas nas partes íntimas.

Silmara foi encaminhada ao Pronto Atendimento Municipal (PAM), mas ela recusou a consulta médica. Ao ser avisada de que uma policial feminina foi convocada à comparecer no local, para fazer a revista íntima, a mulher confessou ter escondido.

Tanto ela, quando Diego do Fox foram presos e encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil, onde permanecem à disposição da Justiça

.01 02 03 04 06

Categorias: Destaques,Galeria de Fotos,Mandaguari