Rei da mamadeira e o Rei das diárias

Nos últimos anos, a administração pública de Mandaguari se mostrou totalmente imparcial em relação às empresas prestadoras de serviços. Recentemente, vem havendo um abuso de verbas públicas com gasto de publicidade através da Prefeitura Municipal. Para “pincelar” uma forma “legal” e pagar empresas condenadas e impedidas de receber verba pública, uma agencia terceirizada fica responsável pelo repasse para empresas idôneas e também as condenadas. O condenado somente no mês de dezembro recebeu mais de R$ 20mil da Prefeitura Municipal, logo em meio às turbulências de cassação do Prefeito.

Pois bem, o mandato do atual prefeito está chegando ao fim, cassado ou não, a única esperança do Rei da mamadeira, é que o Rei das diárias, concorra ao executivo, e posteriormente ganhe a eleição, o que não será nada fácil, uma vez que hoje ocupa o terceiro lugar nas pesquisas.

A estratégia do Rei das diárias é ser o candidato do atual Prefeito, uma vez que os outros dois pré-candidatos já foram traídos pela administração. O grupo de traidores está se formando, o bebezão das mamadeiras, o traidor do executivo, e agora o traidor das diárias, que se quer teve consideração por quem o colocou onde está.

O conchave político teve inicio quando uma “patotinha” formada pelo prefeito, o rei da mamadeira, e alguns vereadores que pertencem a outro grupo interessado na candidatura do Rei das diárias, o colocaram na sua atual cadeira.

Categorias: Destaques,Mandaguari

error: Content is protected !!