Acusado de ter matado Mago é preso pela Polícia

Em uma força a Polícia Civil de Mandaguari, Maringá e Apucarana prendeu na madrugada desta sexta-feira (28), em Apucarana, Flávio Campana, principal suspeito da morte da bailarina Maria Glória Poltranieri Borges de 25 anos.

A prisão se deu por conta de exames de DNA, que comprovam o envolvimento de Campana no crime bárbaro ocorrido em janeiro, nas proximidades da Cachoeira Massambani, em Mandaguari.

Apesar das críticas da imprensa local e regional, com relação à demora na elucidação do caso. A Polícia Civil dá uma resposta à sociedade, buscando elucidar com provas o caso. Assim que recebeu o resultado do DNA, doutor Nery Zoroastro do Prado Filho, delegado de Mandaguari, que desde o primeiro momento conduz as investigações, encaminhou à Justiça o pedido de prisão de Campana.

Em instantes, mais informações.

Categorias: Destaques,Mandaguari

Tags: ,,,,,,

error: Content is protected !!